Descrição

Designação da Acção O relacionamento interpessoal em contexto profissional Duração 7 horas
Local Horário  A definir
Coordenador Pedagógico: João Ferreira

 

Destinatários:

Profissionais que pretendam trabalhar competências de comunicação de base por forma a potenciar um relacionamento interpessoal de sucesso, em contexto profissional.

Pré Requisitos:

  • NA

O relacionamento interpessoal em contexto profissional Abrantes 2200-480

 

 Enquadramento:

Cada organização, ao constituir uma realidade multifacetada e única, deve ser assim percebido por parte dos seus elementos para que se desenvolva um relacionamento e uma comunicação adequados e eficazes, sendo este tema necessariamente complexo porque os seus intervenientes são seres humanos, também eles dotados de complexidade e multiplicidade. Posto isto, torna-se necessário desenvolver dentro das organizações novas abordagens e técnicas inovadoras para que a comunicação e relacionamento se torne uma atividade estratégica de sucesso.

 Módulo 1 – Primeiros Socorros – 6 Horas
Objetivos Gerais:

  • Comunicar de uma forma assertiva, mediante diferentes contextos.
  • Identificar os diferentes sistemas representacionais de comunicação e adequar o seu discurso.
  • Identificar as aptidões essenciais ao exercício da actividade profissional, no âmbito da comunicação;
    – Desenvolver competências ao nível da comunicação verbal e não-verbal;
    – Dotar os participantes de estratégias que permitam um eficaz planeamento e desenvolvimento da sua capacidade de comunicação, em contexto profissional.
Objetivos específicos:

  • Identificar elementos que intervêm na comunicação;
  • Identificar dificuldades no processo de comunicação;
  • Diferenciar os quatro tipos de atitudes: passiva, agressiva, manipuladora e assertiva;
  • Gerir um processo de reclamação;
  • Adotar a técnica da assertividade na gestão de conflitos;
  • Adotar comunicações que promovam a disciplina.
Conteúdos
  • Definição de comunicação e o seu papel no relacionamento interpessoal;
  • O processo de comunicação e os seus intervenientes;
  • A comunicação não-verbal:
    • Fatores de impacto na comunicação verbal e não-verbal;
    • A sintonia da mensagem
  • Obstáculos e barreiras a uma comunicação eficaz;
  • Os estilos de comunicação e o seu impacto no relacionamento interpessoal:
    • O estilo Agressivo;
    • O estilo Passivo;
    • O estilo Manipulador;
    • O estilo Assertivo.
  • Estratégias e Técnicas para uma comunicação eficaz:
    • Escuta ativa;
    • Feedback;
    • Clarificação;
    • Reformulação.

 

Modalidade de formação: formação contínua
Organização da formação: Formação Presencial
 Metodologia de formação:

O Curso assentará numa metodologia ativa e interativa baseada em oficinas práticas e exercícios. As atividades propostas para a ação incluem:

Método ativo;

Formação centrada no formando, promovendo a autoaprendizagem.

Formação orientada para a prática de situações reais do quotidiano e dia-a-dia profissional utilizando role-plays, debates, e outros materiais que se verifiquem necessários que vão sendo devidamente integradas com breves enquadramentos teóricos sempre que seja necessário.

Estratégia teórico-prática que conjuga simultaneamente os processos pedagógicos clássicos e comprovados com as tendências mais recentemente desenvolvidas em formação profissional.

Aplicação de técnicas ativas de formação, apoiadas por diversos suportes audiovisuais e instrumentos práticos, com vista à dinamização dos participantes e à aquisição do “saber-fazer”.

Fornecimento de documentação especializada relativa aos diversos conteúdos do programa.

Avaliação e Assiduidade:

A avaliação é dividida em 2 momentos

  • Formativa
  • Sumativa

Avaliação formativa que é realizada através de pequenos questionários, trabalhos de grupo e/ou pares e estudos de caso. No decorrer da formação será ainda ponderado atitudes e comportamentos mensuráveis através de grelhas de observação

Avaliação sumativa: através da realização de questionário final, ficha de trabalho ou teste.

Assiduidade:  É obrigatória a frequência a pelo menos 90% das sessões.

Materiais e equipamentos:

Equipamentos

– Sala com boas condições de luminosidade e temperatura (Ar Condicionado);

– Sala de formação equipada com mobiliário (mesas e cadeiras); quadro de cerâmica; computador com acesso à Internet e Data-Show,

 

Materiais pedagógicos:

– Kits pedagógicos (inclui pasta, bloco, caneta e manual de formando);

– Fotocópias